Mãe se recusa abortar filho com anomalia cerebral e menino cresce perfeito

A história dessa família emocionou o mundo, Kate Mckinney compartilhou o acontecimento em suas redes sociais para incentivar outras mães a dizer não ao aborto.



Quando engravidou pela quarta vez em 2018, na gestação ocorria tudo perfeitamente bem, mas ao fazer a ultrassom morfológica os médicos deram uma notícia boa e outra ruim.

A boa notícia de que o bebê seria um menino encheu os olhos dos pais de lágrimas de tanta emoção, era o sonho da família que já tinham três filhas, porém, Kate e seu esposo, Bobby, enfrentariam um grande desafio pela frente com o diagnóstico de uma anomalia cerebral. “A única informação que tivemos foi que havia um fluido na parte de trás do pescoço dele, que poderia ser várias coisas , mas todas as opções eram graves”, ela a mãe.

No quarto mês de gravidez, o obstetra disse que pelo volume do fluido, o bebê não sobreviveria. “O bebê tem um higroma cístico. Isso significa que ele poderia ter uma trissomia e seus órgãos poderiam não se desenvolver”, explicou.


Os médicos aconselharam os pais a optarem pelo aborto, mas eles recusaram e partiram para oração, pediram ajuda aos amigos e familiares, formou-se então uma grande corrente de preces e petições em favor do bebê que ainda estava no ventre.

“Eu disse a ele que não havia como. Ele me falou sobre os riscos de continuar com a gravidez e o que aconteceria durante uma morte fetal. Ele ainda estava tentando me convencer”, relembrou. 

A cada consulta de Pre Natal, Kate precisava lidar com os médicos insistindo no aborto. Kate disse que ela e a família rezaram muito suplicando por um milagre. E para surpresa de todos ele veio ao mundo, 100% saudável. “Os médicos ficaram chocados. Fizeram todos os exames possíveis tentando descobrir se tinha algo de errado com ele. Todos deram negativo”, os pais testemunham felizes. "Tivemos nossa fé testada durante toda a gestação", refletiu Katy. “ Hoje estamos felizes por escolher a vida!" Concluiu.

COMPARTILHE COM SEUS AMIGOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. USE COM RESPONSABILIDADE.